quinta-feira, 23 de abril de 2009

Criança Presa

Essa matéria foi assim: Um repórter cobriu o caso, eu fiz o texto e a Lua gravou. Uma mistureba!
Esqueci de pegar a cabeça. Depois eu atualizo aqui.
OFF 1: OS GRITOS DA CRIANÇA CHAMARAM A ATENÇÃO DOS VIZINHOS.

VIZINHA: "ELA CHAMOU 'NILTA/ VEM ME BUSCAR QUE EU TO COM FOME. MAS COMO É QUE EU PASSO?"

OFF 2: A MENINA, DE APENAS DOIS ANOS, É DEFICIENTE FÍSICA E ESTAVA PRESA DENTRO DE CASA. O CONSELHEIRO TUTELAR USOU UM MARTELO PARA QUEBRAR O CADEADO QUE TRANCAVA A PORTA.

SOBE SOM: CONSELHEIRO QUEBRANDO O CADEADO.

OFF 3: AO ENTRAR, ENCONTROU A MENINA SEM ROUPA, SENTADA NA CAMA. SEGUNDO OS VIZINHOS, ELA NÃO COMIA DESDE CEDO.

SOBE SOM:

CONSELHEIRO: "PORQUE TU TAVA CHORANDO?

MENINA: "QUERO COMER"

OFF 4: A SITUAÇÃO NO CÔMODO ERA CRÍTICA. HAVIA MUITO LIXO NO CHÃO. NO CRIADO MUDO, AS CINZAS DE CIGARROS EXALAVAM UM FORTE MAU CHEIRO. O VENTILADOR QUEBRADO DEIXAVA O LOCAL MUITO QUENTE. NA PIA, RESTOS DE COMIDA ATRAIAM AS MOSCAS. DURANTE A AÇÃO, A MÃE DA CRIANÇA APARECEU E O CLIMA FICOU TENSO.

SOBE SOM DA MÃE CHORANDO E FAZENDO CONFUSÃO.

OFF 5: A MÃE ESTÁ GRÁVIDA DO TERCEIRO FILHO E FOI ATRÁS DO MARIDO, QUE NÃO APARECE EM CASA HÁ TRÊS DIAS. ROSILENE DIZ QUE SÓ DEIXOU A MENINA EM CASA PORQUE ELA ESTAVA DORMINDO.

SONORA ROSILENE SANTOS DA SILVA - MÃE

MÃE: EU IA LEVAR ELA, MAS ELA TAVA DORMINDO
CONSELHEIRO: PORQUE VOCE NÃO DEIXOU COM A VIZINHA?
MÃE: PORQUE EU TAVA AVEXADA.

OFF 6: A MÃE FOI LEVADA JUNTO À CRIANÇA ATÉ O CONSELHO TUTELAR DA REGIÃO PARA PRESTAR DEPOIMENTO. O CONSELHEIRO DESTACA A IMPORTÂNCIA DA PARTICIPAÇÃO DOS VIZINHOS.

ARNALDO LEITE - CONSELHEIRO TUTELAR: "EU PARABENIZO A AÇÃO DOS VIZINHOS PORQUE SE TODOS FIZESSEM ISSO, MUITAS CRIANÇAS QUE ESTÃO NESSA SITUAÇÃO, NÃO PASSARIAM POR DIFICULDADE. A SITUAÇÃO EM QUE FOI ENCONTRADA ESSA CRIANÇA AGORA FOI LAMENTÁVEL "

terça-feira, 21 de abril de 2009

TRAJETO/ÔNIBUS/MERCADO

Essa foi uma matéria que me surpreendeu. Tinha tudo pra ser um assunto chato, desgastado. Saí da redação com a idéia de que seria no estilo 'off, passagem, sonora, off, sonora', mas, chegando lá, encontramos um terminal vazio. Por lá, apenas moscas, alguns desabrigados e passageiros desavisados furiosos, querendo pegar um ônibus pra voltar pra casa ou ir à praia (feriadão!). E, gente com raiva, sabe como é: Solta a boca a meter o pau na segurança. Ficou jóia. Gostei.

CABEÇA: A AÇÃO DE BANDIDOS E A FALTA DE AÇÃO DA POLÍCIA AFASTARAM OS ÔNIBUS DO TERMINAL RODOVIÁRIO DO MERCADO DA PRODUÇÃO. OS MOTORISTAS DIZEM QUE SOFREM AMEAÇAS DOS CRIMINOSOS. ENQUANTO ISSO, OS PASSAGEIROS TÊM QUE ANDAR MAIS DE UM QUILÔMETRO PRA CONSEGUIR UM TRANSPORTE.

OFF 1 : É ASSIM QUE ESTÁ O TERMINAL DE ÔNIBUS DO MERCADO DA PRODUÇÃO: VAZIO. OS ASSALTOS FREQUENTES AFASTARAM OS OS VEÍCULOS DAQUI. OS PASSAGEIROS DENUNCIAM A FALTA DE POLICIAMENTO.

SONORA COM ELIAS SILVA - MOTORISTA: "NÃO EXISTE ÔNIBUS, NÃO EXISTE SEGURANÇA, NÃO EXISTE É NADA. SÓ OS VAGABUNDOS QUE DOMINAM"

SONORA COM EDILEUZA MACÁRIO - DONA DE CASA: "UMA VEZ, O RAPAZ IA METER A MÃO NA MINHA BOLSA. SE EU NÃO PUXO PRA FRENTE, ELE TINHA LEVADO DINHEIRO, TINHA LEVADO TUDO"

PASSAGEM:

SEGUNDO OS MORADORES, DESDE DOMINGO NÃO APARECEM MAIS ÔNIBUS POR AQUI. SÓ HOJE O POLICIAMENTO FOI REFORÇADO, MAS AGORA É TARDE. QUEM PRECISA DE TRANSPORTE TEM QUE ANDAR CERCA DE UM QUILÔMETRO ATÉ A PRAÇA DA FACULDADE.

OFF 2 :

É O QUE VAI ACONTECER COM DONA CÍCERA. ELA VEIO FAZER COMPRAS E NÃO SABIA QUE TERIA DE ANDAR TUDO ISSO.

SONORA COM CÍCERA PEREIRA - EMPREGADA DOMÉSTICA: "AI SENHOR... EU TENHO QUE IR PRA LÁ. NA RUA NÃO POSSO FICAR, TAXI NÃO POSSO PAGAR PORQUE É MUITO LONGE, AÍ FICA MUITO CARO. CHEIA DE SACOLA E COM A COLUNA DOENDO"

OFF 3:

SITUAÇÃO PARECIDA COM A DE EDJAN. OLHA SÓ QUANTA COISA ELE COMPROU... AGORA, VAI TER QUE GASTAR MAIS PRA IR PRA CASA E NÃO GOSTOU NADA DISSO.

SONORA COM EDJAN LIMA - COMERCIANTE: "TEM QUE CARREGAR. PAGAR NOVAMENTE PRA PODER CHEGAR ATÉ LÁ. OS CIDADÃOS É QUE TÊM QUE PAGAR. ENQUANTO A CRIMINALIDADE TÁ ROLANDO AÍ NA CIDADE, NÓS FICAMOS ASSIM, ENTREGUE ÀS BARATAS"

OFF 4 :

NÃO FOI DIFÍCIL ENCONTRAR MUITA GENTE NO TERMINAL DA PRAÇA DA FACULDADE. DIFÍCIL MESMO FOI CONSEGUIR FALAR COM OS MOTORISTAS DE ÔNIBUS. ELES NÃO QUEREM SE IDENTIFICAR, COM MEDO DA AÇÃO DOS BANDIDOS.

SONORA COM MOTORISTA DE ÔNIBUS: "ELES FALARAM QUE A GENTE NÃO PODE BATER LÁ. SE A GENTE CHEGAR LÁ, VAI TER PROBLEMA"

OFF 5:

O PRIMEIRO BATALHÃO, RESPONSÁVEL PELA SEGURANÇA DA ÁREA, DIZ QUE NÃO HÁ COMO PREVER A AÇÃO DOS BANDIDOS, MAS QUE, AGORA, O POLICIAMENTO SERÁ REFORÇADO.

SONORA COM TENENTE URIEL DELGADO - 1º BPM: "SITUAÇÕES PONTUAIS NÃO PODEM SER PREVISTAS. VAI SER INTENSIFICADO O POLICIAMENTO COM RELAÇÃO À QUESTÃO DAS VIATURAS, E FEITO O LEVANTAMENTO À BUSCA DE SABER QUEM FOI QUE EXECUTOU ESSE TIPO DE AÇÃO E COMO COIBIR DA MELHOR FORMA"

sábado, 18 de abril de 2009

E lá fui eu para mais um curso de telejornalismo. Com o tempo, as coisas vão ficando tão... iguais. Mas, vamos lá: O palestrante nos deu uma tarefa: Transformar uma matéria de impresso no que seria o texto pra um vt, com as mesmas citações e informações do impresso. Era sobre a redução do IPI em alguns produtos. Saiu assim:

[CABEÇA]
A PARTIR DE HOJE, GELADEIRAS, FOGÕES, MÁQUINAS DE LAVAR E TANQUINHOS FICARÃO MAIS BARATOS. É QUE O GOVERNO FEDERAL REDUZIU O IMPOSTO DE PRODUTOS INDUSTRIALIZADOS, O IPI, PARA ESTIMULAR AS VENDAS.

[OFF 1]
A REDUÇÃO ATINGE AOS PRODUTOS DA CHAMADA LINHA BRANCA, QUE SÃO AS GELADEIRAS, MÁQUINAS DE LAVAR, FOGÕES E TANQUINHOS. OS FREEZERES E MICROONDAS FICARAM DE FORA DO PACOTE.

[OFF 2 + ARTE]
- ATÉ JUNHO, O IMPOSTO COBRADO EM CIMA DA GELADEIRA CAI DE QUINZE PARA CINCO POR CENTO.

- PARA AS MÁQUINAS DE LAVAR, A QUEDA FOI PELA METADE. DE VINTE PARA DEZ POR CENTO.

- O FOGÃO E O TANQUINHO ESTÃO TOTALMENTE ISENTOS DE IPI.

[OFF 3]
O COMÉRCIO VAREJISTA ESTÁ EM FESTA E JÁ ANUNCIOU QUE O CONSUMIDOR VAI SENTIR O ALÍVIO NO BOLSO IMEDIATAMENTE.

SONORA - MICHAEL KLEIN - DIRETOR EXECUTIVO DE LOJA DE VAREJO ((CASAS BAHIA. ENTRA ELE TODO FELIZ/ COM A BOCA CHEIA DE DENTE/ FALANDO ISSO))

SONORA - LUIZA TRAJANO - PRESIDENTE DE LOJA DE VAREJO ((MAGAZINE LUIZA. TAMBÉM DIZENDO QUE O CONSUMIDOR VAI SENTIR DESDE JÁ A QUEDA E BABABÁ))

[PASSAGEM - EM FRENTE AO PALÁCIO DO PLANALTO]
O MINISTÉRIO DA FAZENDA TAMBÉM AUMENTOU A LISTA DE MATERIAIS DE CONSTRUÇÃO QUE SERÃO ZERO DE IPI. E SE O CONSUMIDOR DEIXA DE GASTAR, O GOVERNO DEIXA DE RECEBER. A RENÚNCIA FISCAL REPRESENTA 173 MILHÕES DE REAIS A MENOS NOS COFRES PÚBLICOS.

[OFF 4]
MAS O MINISTRO GUIDO MANTEGA NÃO PARECE PREOCUPADO COM ISSO. PELO CONTRÁRIO. DIZ QUE, NO FINAL DAS CONTAS, A ARRECADAÇÃO DEVE ATÉ AUMENTAR.

SONORA - GUIDO MANTEGA - MINISTRO DA FAZENDA ((FALANDO QUE, POR CAUSA DA BAIXA DO IPI, O CONSUMO AUMENTA, AUMENTANDO TAMBÉM A ARRECADAÇÃO DOS OUTROS IMPOSTOS, COMO O PIS E COFINS))

((Pelo menos, dessa vez, eu entrevistei o Guido Mantega! Hahahahah))

sexta-feira, 17 de abril de 2009

Falha Nossa!

O Video Show estreou ao vivo nesta segunda-feira. Antes disso, fez o maior alarde. Cenário novo, abertura nova, ao vivo, quatro apresentadores... mas tudo isso ficou em segundo plano. O motivo: Erros!
O programa virou um "Falha Nossa" ao vivo a todo momento. Desde os novos apresentadores (Fiorella, se aposenta, fia!), ao antigo André Marques, até a equipe técnica. Corte de câmera errado, imagens erradas... tudo errado!
Dá aflição de assistir. A cada bloco, você pensa "Meu Deus, os meninos do CQC vão fazer a festa". E devem mesmo fazer!

Não precisou muito tempo para encontrar no YouTube um compacto com os erros.



Ô sujeira....

quinta-feira, 9 de abril de 2009

Ops...


"Elenco festeja fim de 'Três Irmãs' em festa".

Ainda bem que ninguém festejou em um velório, hein, Globo.com!? Ainda bem MESMO!

Alagoas Na Hora sai do ar.

Não foi surpresa, mas deu tristeza.
Tristeza por ver portas, num mercado já tão difícil, se fechando.
Tristeza por ver uma pessoa querida e competente, como a diretora de jornalismo da emissora, agora, sem trabalho.
Tristeza por ver um programa jornalístico, pelo qual se tem muito carinho e apego, saindo do ar. Um programa pelo qual eu tive a alegria de trabalhar, de ajudar a reformular. De pegar pra criar.
Tristeza por saber que outras pessoas, tão competentes e tão esforçadas, também correm o risco de ser demitidas.
Tristeza por ver uma emissora se acabando por má administração. E, mais uma vez, imagens de portas fechadas. Com cadeados enferrujados.
Amanhã, sexta, vou assistir ao último Alagoas Na Hora. O último capítulo de um telejornal que, pra ir ao ar, era uma verdadeira novela. Mas não com gosto de trabalho em vão. Gosto de quem suou a camisa, de quem fez o possível para colocar no ar, todas as noites, um programa com a maior qualidade possível.

E que, se essa porta fecha, outras abram. Não só pra mim, mas para todos aqueles que fazem jornalismo sério. Todos aqueles que estudaram pra isso.

quarta-feira, 1 de abril de 2009

Fora daqui!

A rixa entre o diretor presidente do Detran, Antônio Sapucaia, e o sindicato dos servidores do órgão parece não acabar tão cedo. A mais nova faísca que acendeu entre as partes, diz respeito a uma portaria publicada por Sapucaia no Diário Oficial do Estado de hoje (31), concedendo cinco dias para que os sindicalistas desocupem uma das salas da sede do órgão.
O diretor presidente diz que o sindicato tem recursos próprios e não os utiliza, gastando água, energia e ocupando espaço físico do Detran. Para justificar, Sapucaia completa: "Considerando que não há nenhuma confiança da Direção do Detran em relação ao aludido Sindicato, haja vista os últimos acontecimentos noticiados pela imprensa e considerando a necessidade de respeitar os princípios da liberdade e autonomia sindical".
Ao final dos cinco dias de prazo, a sala deve ser interditada e quem estiver lá sem autorização pode responder por invasão ao patrimônio público. O presidente do sindicato, Abílio Gomes, se defende. Ele diz que tem um documento autorizando o uso da sala. Ainda segundo ele, a papelada já foi apresentada à direção do Detran. Abílio deve procurar o setor jurídico do sindicato, ainda hoje, para entrar com um recurso contra a decisão.