terça-feira, 22 de setembro de 2009

Ganhei o dia

Boda não é bolda.
Boda é mulher do bode
Não do boldo
Nem do balde

Aprendeu, né, Dé?

Um comentário:

Patricia disse...

Hahahahaha... AMEI esse seu lado "poeta-bem-humorado". O meu é sempre meio dramático...